Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Porquê eu?

por Quadrada, Quinta-feira, 10.01.13

É maravilhoso estar atrasada para alguma coisa. Mais maravilhoso que isso é não encontrares as chaves de casa. Mas, como se não bastasse, estás cheia de dores de barriga. Pior, quando sais de casa está a chover a potes e lembras-te que emprestaste o teu guarda-chuva ao jeitoso que te aquece os pés em noites frias. Que por acaso é a pessoa que está há coisa de 15 minutos à tua espera.
Vais à chuva, com o capuz do casaco na cabeça, a tentar não te molhar muito, quando te lembras que tens outro guarda-chuva em casa. Voltas atrás o mais depressa que podes, tendo em conta que estás atrasada e que até nem te podes demorar muito porque tens que fazer uma noitada a estudar para o exame de amanhã, e vais buscar o guarda-chuva. Muito mais feliz que antes, continuas o teu caminho a pensar "Pronto, finalmente está tudo a correr mais ou menos bem", até que a vida se lembra deeeee... (inserir som de rufar de tambores) arrancar-te a sola da botaaaa! :D E lá vais tu a resmungar sozinha, tornando a voltar para trás quando já ias a meio do caminho, com a agravante de ires com o pé nas (imensas) poças de água existentes no passeio.
Depois de calçares umas Timberland (que ao menos assim proteges-te da chuva, do granizo, de ataques de elefantes and so on) e de tentares não escorregar com elas, lá consegues chegar ao McDonald's, onde o teu querido (muito querido!) acompanhante nem um mísero beijo te dá porque está ocupado a jogar um jogo estúpido de zombies no telemóvel (já referi que ele tem uma cena qualquer com zombies?).
Porquê eu? Porquê?

(not -.-)

Autoria e outros dados (tags, etc)